Cultura Organizacional: faça a diferença com a sua equipe

11 de julho de 2018

A cultura organizacional é um dos conceitos mais importantes para a gestão de pessoas em uma companhia. Por meio dela, os valores da empresa são postos em prática pelos colaboradores, seguindo uma conduta que alinha o modo de trabalhar e relacionar-se no ambiente de trabalho.

 Para que os resultados sejam mais eficazes, e o clima organizacional, produtivo, é preciso que as pessoas que já trabalham e as que serão contratadas tenham um modo de pensar parecido. Assim, todos podem falar a mesma língua e os abismos de entendimento serão menores.

 Essa é uma ótima maneira de fortalecer seus departamentos e alavancar os resultados do seu negócio. Afinal, todos os envolvidos no dia a dia compartilharão valores similares e se relacionarão com mais afeição. 

 Qual é a influência nos resultados e na motivação dos times?

 Uma cultura bem definida pode ser a diferença entre a organização e o caos, ou seja, entre o prejuízo e o faturamento. Ela influenciará todo o trabalho com entusiasmo, além de selecionar, naturalmente, quem se encaixa no ambiente de trabalho.

 Quando todos se reconhecem no ambiente empresarial, o time se torna mais engajado, pois os funcionários entendem qual missão terão que cumprir e quais serão as recompensas. Esse comprometimento é mais eficaz que oferecer prêmios em dinheiro, por exemplo, já que, nesse caso, os colaboradores não enxergariam o bem maior que pode ser alcançado com a união. 

 Além disso, pessoas que trabalham juntas compartilhando dos mesmos valores se sentem mais dispostas a enfrentar desafios.

 Como criar a cultura e aplicá-la no seu negócio?

 Para fazer essa definição, pense em quais são os valores, visão e missão da sua empresa, ou seja, como ela é identificada. Se ela é formal ou descontraída, se tem organização horizontal ou não.

 Qualquer que seja a personalidade da organização, os princípios devem ser observados e determinados para criar a identidade do negócio. Para que essa seja uma premissa real, e não apenas frases escritas em um manual, é preciso ser bem sincero em relação ao seu negócio.

 Reúna os líderes dos times

 As pessoas que possuem cargos mais importantes, geralmente, conhecem mais sobre o negócio e podem ajudar a definir uma identidade realista. Converse com todos e debata sobre qual é a cara da empresa e como ela pode ser reunida em princípios básicos. Depois, esses líderes passarão a visão para os demais funcionários e examinarão a reação deles, percebendo quais questões são genuínas e as que não fazem parte da realidade vivenciada. 

 Pense em uma missão

 Para que seu negócio existe? Qual o seu diferencial no mercado e quais são seus objetivos ou, em outras palavras, qual a razão da companhia funcionar? Essa resolução deve ser clara e incorporar as motivações diárias da equipe, para que todos entendam o porquê de estarem trabalhando.

 Liste os preceitos do trabalho

 Faça uma lista com as normas que serão seguidas na rotina da organização, que inclua, por exemplo, o tipo de vestimenta, os horários, eventos e a forma de comunicação. 

 Nessa hora, também são definidos os comportamentos que são valorizados dentro do ambiente organizacional e quais não são aceitáveis.

 Defina uma forma de colaboração

 Os times devem ter uma boa comunicação e trabalharem interligados, compartilhando informações e metas. Essa maneira de trabalhar também pode ser detalhada, para que cada membro atual e os que ainda chegarão possam ter noção de como se comportar em relação ao trabalho em grupo. 

 Isso, de certa forma, impõe uma linha de cooperação em que os colaboradores vão se basear para interagir uns com os outros. Sabendo de que forma podem ajudar no trabalho do outro, a pessoa pode fazer o máximo para que as metas comuns sejam alcançadas. 

 Percebeu a importância da cultura organizacional? Baixe o meu infográfico sobre gestão de pessoas e saiba mais formas de realizar esse trabalho!

 Fonte: GBrasil

Comments are closed.

Revistas e Publicações
Assinar Informativo
Conheça a Rui Cadete
@rattscom