Terceirização Contábil: quais suas vantagens para um condomínio?

Por dentro da Terceirização Contábil

O excesso de burocracia nos processos administrativos e contábeis, a legislação em constante mudança e encargos elevados com empregados, são alguns dos fatores que levam as empresas a optarem, cada vez mais, pela terceirização de serviços de contabilidade. 

Terceirização contábil, significa a contratação de um escritório de contabilidade ou um contador autônomo, como prestador de serviço de uma empresa, e considere isso como uma tendência no mercado. 

Segundo estudos, é cada vez mais comum as empresas terceirizarem seus departamentos financeiros e afins, e ainda há muito espaço para outros nichos a serem trabalhados, e a terceirização contábil para condomínios é um desses.  

Contabilidade e administração de condomínios 

É comum o síndico fazer de tudo dentro de um condomínio, e por mais boa vontade que possa ter, alguns casos carecem de atenção especial, por serem mais específicos e delicados. Assim, a falta de experiência pode gerar sérios problemas, principalmente quando falamos em finanças.

Recomenda-se, que a gestão das finanças de um condômino tenha uma visão profissional e especializada, fato que contribui para uma gerência mais controlada e transparente, atendendo aos interesses de todos.

Logo, são esses recursos que pagam as despesas e mantém a ordem da casa, além de impactarem nos fundos emergenciais, afetando os valores que poderão ser pagos pelos inquilinos nos meses consecutivos.

De acordo com a legislação vigente no Brasil, a prestação anual de contas de um condomínio é obrigatória, com a apresentação em assembleia de todos os gastos, notas e fundos

Tão logo, a terceirização contábil e administrativa de condomínios asseguram a confiança  deste serviço, uma vez que, evita falhas no processo e ainda majoram as chances de obter êxito com as decisões gerais de contenção e gastos. 

Assim, é primordial, a contratação de uma empresa para realizar a contabilidade e a administração das sociedades condominiais, o zelo em oferecer colaboradores entendidos e credenciados pelos órgãos legais de regulação, também contribuem para a terceirização.

Quais demonstrativos apresentar na prestação de contas?

Com atenção às leis, e também em respeito aos condôminos, o gestor condominial deve estar sempre pronto a prestar contas de forma transparente e objetiva, facilitando, assim, o seu entendimento, inclusive, pelos mais leigos.

Conheça alguns demonstrativos que podem ser apresentados na prestação de contas:  

  • Extratos bancários;
  • Investimentos;
  • Receitas do condomínio;
  • Livro caixa – documento de controle dos fluxos de entradas e saídas de caixa;
  • Despesas e seus documentos comprobatórios – exemplo de notas fiscais;
  • Relatório de inadimplência – aqui você deve ter uma atenção especial em não expor os condôminos; 
  • Balancete – documento contábil que verifica os saldos das contas em determinado período.

Assim, a terceirização contábil, quando feita por contadores experts no assunto, garante uma prestação de contas mais fácil e confiável, capaz de atender plenamente a todos os interessados. 

Alguns serviços contábeis importantes para o seu condomínio 

O sucesso financeiro de qualquer empresa depende de uma boa gestão, com um condomínio não é diferente, e a relação é a mesma. Porém, o dia-a-dia dessas sociedades condominiais é dinâmico, está em constante mudança com inúmeras tarefas a serem realizadas.

Então, o desafio é conquistar bons resultados diante de todo esse dinamismo. Com isso, a terceirização contábil vai garantir mais segurança na gestão.

Tendo em mente que a prática contábil é imprescindível ao bom andamento empresarial, seja lá de qual segmento seja, preparamos 4 serviços contábeis que ajudarão a gerenciar melhor o seu condomínio.

  • Fluxo de Caixa – Todos recebimentos e gastos dentro do condomínio devem ser registrados. Como exemplo de valores recebíveis estão as taxas condominiais pagas pelos inquilinos, em contrapartida, os registros de saídas podem ser os pagamentos de funcionários, serviços contratados, contas de água, luz, e outras despesas.
  • Auditoria – De tempos em tempos, o condomínio pode solicitar uma auditoria contábil/financeira, a fim de comparar as demonstrações contábeis com a situação patrimonial, financeira e econômica, que deve espelhar a sua realidade, sanando quaisquer dúvidas sobre possíveis erros ou fraudes. 
  • Responsabilidades Legais – Ponto importante aqui, é que todo condômino tem a obrigação de registrar seu CNPJ, embora, isto não os tornem pessoas jurídicas, a inscrição em CNPJ acontece para que as obrigações legais e fiscais sejam cumpridas adequadamente. Além de outras obrigações como fechamento de folha de pagamento de funcionários, apuração de encargos, geração das guias de recolhimento, admissões, rescisões, férias, e outras obrigações legais concernentes aos direitos trabalhistas.
  • Balancete Mensal e Anual – Com a terceirização contábil seu condomínio não vai se preocupar com dois importantes demonstrativos contábeis. O documento de demonstração do resultado mensal da contabilização do fluxo de caixa e o das receitas e despesas realizadas durante o ano.
pessoa realizando o cálculo referente a terceirização contábil
Foto de Kaboompics .com no Pexels

Os prós e contras da terceirização para o contador

A autonomia para trabalhar, pode ser entendida como uma grande vantagem para o profissional contador que opta por prestar serviços terceirizados. Horário e local de trabalho flexível, em sua própria casa, caso queira, é bastante tentador.  

Estar livre para aceitar ou não outras demandas, e as possibilidades de trabalhar com outro clientes, também conta, como pontos a favor.

Em contraponto, não há remuneração fixa, desse jeito, se em determinado mês não houver clientes, você não terá honorários a receber. 

Outra consideração é que o contador terceirizado vai arcar com todos os seus custos e despesas, que não condição de funcionário celetista está isento. E nessa condição, o contador também não pode contar com benefícios trabalhistas tradicionais como férias, 13º salário e FGTS.

Os prós e contras da terceirização para o contratante

De cara, a redução de custos é claramente um dos benefícios para o condomínio que opta pela terceirização contábil. Justificado pelo fato de não precisar manter um setor ou funcionário específico para aquele processo ficando livre de salários e encargos trabalhistas. 

No mesmo sentido, há períodos de baixa demanda de trabalho, principalmente para pequenos condomínios, e a contratação de um contador para trabalhos pontuais, também, ajudaria anulando gastos desnecessários para a sociedade. 

Talvez a perda do controle da rotina das atividades desempenhadas, seja visto como negativo. Todavia, isso não significa que os interessados não terão acesso às informações desejadas, sempre que preciso, e nem perderão o controle do departamento. Apenas se resumirá numa visão mais periférica do setor.

E para finalizar

Nesse artigo, você viu que as vantagens do condômino que utiliza da terceirização contábil são muitas. O síndico ou pessoas responsáveis deve ter o zelo em pesquisar e contratar um prestador qualificado para serviço.  

Muitas vezes, ter uma boa contabilidade terceirizada passa despercebida pelos interessados, como uma oportunidade de melhorar a atuação do síndico dentro do condomínio. 
Com organização é possível trabalhar melhor, ter mais tempo livre e aprimorar a qualidade de vida de todos que ali convivem!

Gostou do nosso post? Então compartilhe com seus amigos:

Share on linkedin
Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram

Sobre o autor

admin

Relacionados

Categorias

ㅤㅤ ㅤㅤ ㅤㅤ

Newsletter

Os melhores conteúdos do mundo contábil na sua caixa de e-mail! Preencha suas informações abaixo e inscreva-se:

Fale agora com um especialista
e entenda como podemos te ajudar: